sábado, 28 de novembro de 2015

Como criar sua própria história - Tutorial

Obviamente isso aqui não é uma fórmula mágica, e talvez não funcione (provavelmente não funcione) para todas as pessoas... mas eu ensinarei como eu faço.
E como assim, criar histórias?
Eu gosto muito de escrever, não vou me aprofundar nisso porque esse não é um post de fatos ;D
Além de servir para criar uma história escrita, também serve para criar mangás, teatros, o que você quiser, receba a informação e aproveite como quiser.

Vamos lá?

Foco

Primeiramente, pense em livros que você gostou de ler, independente daquilo que deseja criar, ter uma estrutura de um escritor (roteirista de mangá) que você gosta sempre vai ajudar, caso você ainda não tenha o costume de ler, acredito que vai ter um tanto de dificuldade nessa área, mas enfim...

Pense em que tipo, se romance, aventura, ação... e depois nos principais acontecimentos que deseja, vou dar um exemplo.

Romance

A mocinha descobre depois de um tempo que tem uma doença terminal e viaja para outro país sem avisar ao mocinho que não vai voltar mais.

Entenderam? é como se fosse um climax, um momento de apreensão, se fosse uma história de ficção, de aliens talvez, onde o herói é abduzido seria um climax, ter essa noção de quais serão os principais acontecimento é muito importante.

Personagens


~pego no deviantart a mt tempo ~

Outro ponto muito importante é a criação dos personagens, é uma etapa decisiva, onde você precisa pensar muito bem em como vai querer o carácter de cada um deles, faça como uma ficha técnica, anotando todas as características físicas e também comportamentais, é muito comum, conforme sua história vai se desenvolvendo você se esquecer de algum detalhe, como a cor dos olhos por exemplo, uma vez que ninguém fica citando "os profundos olhos azuis" o tempo inteiro(talvez até tenha, mas seria um estilo de escrita, que eu não consideraria comum).

Se você souber desenhar, ótimo, rabisque seus personagens quantas vezes quiser, mais de uma vez não é necessário, faça isso se quiser. Caso não, sem problemas, pense em um ator, ou até uma pessoa parecida, para quando for descreve-lo durante a sua história não fique algo muito superficial, como se você mesmo não conhecesse seu personagem.

Coesão


O que eu tinha colocado mesmo?

Cuidado com tudo que você fala, não adianta falar que o mapa marca o tesouro no Y e mais tarde falar que ele está no X(a não ser que faça parte do contexto)... o que eu quis dizer é, não se perca na sua história, tenha em mente que você precisa manter tudo sempre coerente, é muito fácil se perder durante tramas longas (experiência própria), então tenha em mente, você sempre vai precisar ler e reler sua história, o tempo inteiro, repassando os detalhes, claro que depois de um tempo isso acaba se tornando desnecessário, mas a prática leva a perfeição.

Cenário
Sesshoumaru samaaaaaa

Esse é meu ponto fraco, eu não tenho paciência de encher linguiça, eu dou alguns detalhes pro leitor e o resto fica por conta da imaginação dele.
Bom, de qualquer maneira, funciona mais ou menos assim:
Quando você está criando sua trama na sua mente, você já vê algumas coisas que tem ali, se é um salão de uma enorme mansão, ou se é um casebre caindo aos pedaços. Então feche seus olhos e imagine tudo, monte um cenário lindo e comesse a descreve-lo para o leitor da melhor maneira que conseguir, lembre-se, as palavras transmitem qualquer coisa, emoções, e imagens também, elas estão ali subentendidas, depois, de para alguém ler e pergunte como ela imaginou o local.
Quer fazer um teste para saber se consegue passar o que quer para os leitores? Pegue qualquer imagem de paisagem, descreva-a como se fosse um cenário da sua história, depois mostre aquilo que você escreveu para alguém, e depois mostre a imagem, veja se ela imaginou mais ou menos daquela maneira, se sim, parabéns! Se não, treine mais um pouquinho.

Diálogos


Ah ~ minha praia...

Como criar um travessão:

alt + 0151

Exemplo:
"Minha nossa, como você engordou! "

Como criar (eu não sei o nome dele) a barra que separa a fala ao o que está acontecendo enquanto o personagem fala :
– 
alt + 0150

Exemplo:
" — Minha nossa, como você engordou! disse enquanto comia um pastel recheado de calabresa "

Não seja confuso, quando o diálogo for muito extenso, tente citar o nome dos personagens de vez em quando, para que o leitor saiba quem está falando e quem está respondendo, é muito chato ter que ficar relendo para poder saber, esse é um erro comum até para escritores experientes.
O narrador também pode fazer parte desse momento, dando um complemento ao diálogo.

"— Nossa, como você é má dizendo isso de mim enquanto come esse pastel...maravilhoso... de-me um pedaço?!
A garota que não era tão cheinha quanto a amiga a descreveu queria dar motivo ao apelido recentemente ganho.
"
Depois de uma longa descrição, de cenário, ou parte da história que não de para usar diálogos, é bom usa-los, é como se fosse um descanso para o leitor, deixando o texto mais gostoso de ser lido e aproveitado.

Fim do tutorial ~

Ai vocês me perguntam (ou não) onde estão então minhas histórias querida?. . .

Eu não as posto, eu as faço para mim mesma, e algumas eu deixo meus amigos lerem, apenas isso, prefiro não divulgar nada ainda, pelo menos.

Qualquer dúvida só deixar nos comentários que eu tentarei responder o melhor que puder.



Nenhum comentário:

Postar um comentário